Reprodução

Reprodução

SAQUÊ NO ROSTO

Esta água rica em “Pitera”, ingrediente milagroso descoberto há mais de 30 anos, reduz o aparecimento de rugas e manchas e melhora significativamente a textura da pele, firmeza e luminosidade. Sua fórmula insubstituível esfolia suavemente o rosto e ajuda a moderar o ciclo de renovação superficial da pele. O “SK-II  Facial Treatment Essence” ajuda a melhorar a aparência de 5 dimensões da pele bonita, clara como cristal: manchas são menos visíveis, aparecimento de rugas é reduzido, a textura da pele é mais refinada, firmeza é melhorada e radiância belamente é elevada. Pele torna-se incrivelmente cristalina. O produto extraído durante a fermentação do saquê, custa US$ 155, mas ainda não é vendido no Brasil

DIVERSIDADE

O espanhol Miquel Barceló, considerado o artista vivo mais valorizado de seus país, apresenta mostra na “Pinakotheke Cultural”, em Botafogo. A seleção traz vinte trabalhos, entre pinturas e esculturas, dois filmes dedicados a seu processo criativo e um gabinete cenográfico com objetos pessoais trazidos do ateliê parisiense. Estão no acervo seus quadros brancos, produzidos com camadas de tinta que formam texturas e desenhos, e telas da série de frutos de grandes formatos, como “Tomate Coeur de Baleine”. A sensação, no entanto, promete ser “Elefandret”, a escultura de um paquiderme com 2 toneladas de bronze, equilibrado sobre a própria tromba.

CHOCOLATE VERDE

Depois da cerveja e do vinho, o restaurante “Aprazível”, de Santa Tereza, lança o chocolate da casa. Orgânico, o produto é produzido por cooperativas agroflorestais da Amazônia. A manteiga de cacau é substituída pela manteiga de cupuaçu e o resultado final apresenta gostinho de castanha e caramelo. Em três variedades, custa R$ 25, cada.

CARIOCA, MAS NEM TANTO

A “Capi”, grife de moda masculina criada pelo publicitário Rodrigo Capiberibe, em 2010, depois de abrir seu primeiro espaço físico em Ipanema, em 2013, se prepara para abrir uma loja no Rio Sul, em Botafogo. Embora tenha começado com camisetas e bermudas de praia, a “Capi” foge do rótulo de marca do Rio. Hoje, a marca investe também em alfaiataria, com foco em camisas. A coleção verão 2015, por exemplo, já possui alguns exemplos de peças praianas, mas que podem ser usadas em qualquer lugar do mundo, com equilíbrio entre casualidade e estilo.  

MIX

A “Victor Hugo” apostou em diferentes combinações de cores, estampas e materiais para a nova leva de bolsas e clutches de verão. Couro de jacarés do Pantanal, píton asiática e avestruz vem misturados, intercalando com estampas de leopardo em tons de marrom-bronze e colorações em cáqui, celeste, vermelho e lilás. Bom gosto e diferencial da marca.

Anúncios